FECHAR
Artigos

Por que é importante seguir o zoneamento da cultura da soja?

305 vizualizações | Postado em 12 de setembro de 2018 4 porque e importante seguir o zoneamento da cultura da soja - Por que é importante seguir o zoneamento da cultura da soja?

O serviço disponibilizado pela Embrapa fornece informações para os agricultores sobre melhores áreas e períodos para o plantio da soja, visando menores riscos.

A falta de água durante os estádios de desenvolvimento da soja pode causar perda de produtividade. Para ajudar o mercado a superar esse desafio, foi criado o Zoneamento Agrícola de Risco Climático, que analisa a variabilidade climática das regiões e determina melhores condições de plantio para culturas mais rentáveis e competitivas.

A tecnologia aplicada hoje nas lavouras permite que o agricultor opte por variedades de soja tolerantes a doenças e ataque de pragas, apresentando características capazes de entregar um potencial aumento na produtividade. Mesmo nesse contexto, o clima é fator decisivo para a soja e segue sendo um grande desafio.

O estresse hídrico em áreas de sequeiro está fora do alcance da maioria dos agricultores. A falta de água tanto nos primeiros estádios de desenvolvimento da cultura quanto na fase reprodutiva impacta de forma negativa, independentemente do manejo da lavoura. Por isso, é tão importante respeitar o zoneamento climático da soja, com o objetivo de minimizar riscos para os agricultores.

Como é feito?

A definição do zoneamento considera as áreas e os períodos mais favoráveis para o plantio. Publicado pela primeira vez em 1996 para trigo, o Zoneamento Agrícola de Risco Climático avalia o clima, solo e ciclos de cultivares, para definir o melhor período de plantio da soja. Assim, é possível prever com alguma precisão os riscos climáticos envolvendo a lavoura e possibilitar a redução de perdas.

O zoneamento não é uma ferramenta definitiva e sempre passa por mudanças e revisões ao longo do tempo, para que continue sendo eficaz.  A Embrapa atualiza frequentemente as definições de zoneamento. Hoje, está disponível a terceira aproximação, mas a segunda aproximação é efetiva e amplamente utilizada.

Por que o zoneamento é tão importante?

A soja possui diferentes exigências climáticas durante seus estádios, como, por exemplo durante a fase de floração e enchimento de grãos, em que necessita de mais recursos hídricos. Além disso, a temperatura e a incidência solar são fatores que impactam na cultura, que se adapta melhor às regiões em que a temperatura oscila entre 20 °C e 30 °C.

Vale lembrar que as áreas consideradas intermediárias em relação ao risco climático também podem ser rentáveis. Nesse contexto, o agricultor que acessa o zoneamento pode identificar os pontos de atenção e se planejar para amenizar riscos, usando um bom manejo de solo e da cultura em um trabalho com maior precisão.

Convém ressaltar que para explorar o máximo potencial de produtividade da lavoura é preciso considerar a combinação de vários fatores. Fertilidade do solo, clima, manejo adequado e a escolha da melhor cultivar adaptada para determinada zona.

Compartilhar
Esse post foi útil para você?

Comentários

Deixe o seu comentário!

ADVERTÊNCIA: Os agrotóxicos são produtos perigosos à saúde humana, animal e ao meio ambiente. Antes de manuseá-los, leia atentamente e siga rigorosamente as recomendações contidas no rótulo, na bula e no receituário agronômico. Utilize sempre os equipamentos de proteção individual. nunca permita o manuseio de agrotóxicos por menores de idade. Descarte corretamente as embalagens e os restos dos produtos. não reutilize as embalagens vazias. Informe-se sobre aimportância do manejo integrado de pragas.

CONSULTE SEMPRE UM ENGENHEIRO AGRÔNOMO. VENDA SOB RECEITUÁRIO AGRONÔMICO.